Suely Cauduro  
trabalhos recentes
Página inicial > Textos > José Guyer Salles
 

Suely Cauduro - Luz e Transparência

Suely é uma das espécies candidatas à preservação, ameaçada pela onda de artistas plásticos cuja meta é apresentar seu Ego antes de sua obra.

Cuidadosa em sua formação, buscando aí a base em que formula sua arte, ela vai construindo seu imaginário com a solidez do conhecimento dos meios de expressão.

Os temas, sejam natureza morta, paisagens ou figuras, são pretextos, cabides onfe formula a sua arte, que se faz através de cores e formas ajustadas ao suporte.

A aquarela é um veículo que, por sua própria natureza, mostra a alma de quem a usa.
Na transparência de suas cores, o artista se revela, incapaz de esconder o que seja de imperícia e pretensão.

Vejamos então a arte de Suely assim, nas transparências, nas cores cuidadosamente elaboradas, nos resultados que conduzem o observador aos estados que o artista quis motivar.

Movimento é sua linha condutora. Ela o faz através da composição que leva os olhos a percorrerem um caminho bem elaborado.
Detenha-se o viajante das aquarelas de Suely, nos meios tons, nas nuances que avisam a cor, para aí conhecer o prazer que iguala o expert ao amador.

José Guyer Salles, pintor, aquarelista e gravador.

Em 1970 foi para Nova Iorque com uma bolsa de estudos no Pratt Graphics Center. Permaneceu em Nova Iorque até 1984 onde participou de várias coletivas, destacando-se: Knox Allbright Museum 10 American Artist, Pratt Annual Exhibits, Goddard Riverside, Unesco Young Artists, etc. Fez também várias individuais no Brasil e nos Estados Unidos.